Como ler a previsão do mar para o surf no Surfguru

19/07/2021



  • Você já chegou na praia, super animada pra surfar, chegou lá e o mar tava horrível? Pois é, quem nunca passou por isso, né? Resolvemos então criar esse post pra você aprender a ler a previsão de ondas, conseguir se programar para o surf (ou para qualquer outra atividade no mar que você for praticar) e não errar mais!

    Entender e saber fazer a leitura da previsão das ondas depende da combinação de vários fatores em conjunto, que são:
    • altura das ondas
    • direção das ondulações
    • período das ondulações
    • energia e potência
    • direção do vento
    • conhecer o pico onde vai surfar

    Todos esses fatores são super importantes e vamos falar sobre cada um deles aqui. Para isso, vamos te ensinar a ler a previsão de ondas através do site Surfguru, que é atualmente o que oferece as informações mais completas em questão de previsão de ondas no Brasil. E se liga que todas as instruções que estão aqui são para você acessar o site pelo telefone, tá? Pra quem ler tudinho, no final do post temos uma surpresa bem especial.

    E uma dica: a gente já explicou aqui como as ondas se formam, e se você ainda não leu esse post, ele pode te ajudar a entender melhor algumas coisas que vamos falar aqui.

    Primeiro vamos entender brevemente como as coisas acontecem em mar aberto antes de chegar na costa. Pra começar: acesse o site www.surfguru.com.br e clique nos três tracinhos no lado direito superior da página, clique em "Previsão" e depois em "Central".
    .

  • Logo vai abrir a previsão para o Brasil e mostrar o mapa do Brasil e o oceano Atlântico representado com um esquema de cores. Nos ícones acima do mapa você tem a opção de ver:
    • a altura das ondas: ícone de três ondinhas
    • o período da ondulação: ícone de relógio
    • a direção dos ventos: ícone de bandeira

    E abaixo do mapa, arrastando a barrinha de rolagem para a direita é possível ver a previsão para os próximos dias.
    .


  • _mapa de altura das ondas
    Nesse mapa é possível ter uma noção da altura das ondas que estão se formando nos oceanos e qual a direção delas.
    • Altura das ondas: ícone de três ondinhas
    • Gradiente de cores: quanto mais quente, maior a altura das ondas
    • Direção das ondas: setas

    Lembrando que sempre que a gente fala em direção aqui (seja da ondulação ou de vento) é sempre de onde vem e não para onde vai.


    _mapa de período
    O período nada mais é do que o tempo entre duas ondas. Como assim? Imagine que você esteja sentada na sua prancha lá no outside e você tenha um cronômetro na sua mão. Você aciona esse cronômetro assim que uma onda passar por você e para o cronômetro quando a segunda onda passar por você. Esse tempo entre as duas ondas é o período da ondulação e é provavelmente um dos parâmetros mais importantes para te ajudar na hora de ler a previsão.

    É possível ver o período clicando no ícone de "relógio" acima do mapa.

    De modo geral, períodos maiores estão relacionados à ondas mais alinhadas e organizadas (que seria um swell) e períodos menores geram ondas com uma formação mais bagunçada (que seriam as vagas).

    É importante observar o mar e saber quais são as melhores formações pra cada pico. Em geral os point breaks se beneficiam das ondas com períodos maiores, mas alguns beach breaks podem funcionar muito bem com períodos baixos.

    Bom, no mapa de período você também vai ver um gradiente de cores, onde as cores mais quentes representam um período maior e as cores frias um período menor. Se as cores quentes estiverem encostando próximas da costa onde você surfa (igual dá pra ver na foto acima), corre pra praia, deve ter um swell encostando!

    É possível observar um efeito degradê na formação de um swell no mapa de período. É quase um arco-íris. Isso acontece porque as ondas com maior período são mais rápidas e conforme se deslocam pelo oceano vão se agrupando em blocos como corredoras em uma maratona, primeiro as mais rápidas e por último as mais lentas.
     
    • Dica: aqui no Brasil, um período acima de 12 segundos já indica que deve ter um swell!


    _mapa de pista de vento
    E no terceiro ícone (bandeirinha) é possível ver a formação e a intensidade dos ventos no oceano, onde você pode identificar onde as pistas de vento estão se formando.

    Se a pista de vento estiver bem longe da costa, a chance é alta de que a formação de ondas chegue na costa alinhada como um swell. Como já dissemos neste post, as ondas são formadas por pistas de vento nos oceanos. Quando essas pistas de vento estão localizadas longe da costa, as ondas precisam se deslocar e nesse processo elas vão se alinhando e se organizando em séries de ondas com velocidades semelhantes. As mais rápidas na frente e as mais lentas atrás formando aquele degradê no mapa de período que representa os swells. Já as ondas que estão em formação dentro da pista de vento são chamadas de vagas.

    Então se a pista de vento estiver se acontecendo próxima da costa, teremos vagas no nosso litoral, ou seja, uma bagunça só! É possível que tenham vagas e swells chegando ao mesmo tempo, por isso é importante entender todas as diferentes ondulações que estão previstas.

    Ok! Agora que você já sabe se um swell está chegando no Brasil, é hora de ver a previsão onde você vai surfar.

    Para isso, clique de novo nos três tracinhos no canto superior direito da tela e depois em "início". Nessa tela você já escolhe o local: País, Estado e Cidade e clica em "Consultar Previsão".
    .


  • _previsão oceânica
    A primeira previsão que aparece é a previsão oceânica, ou seja, ela vai mostrar como as ondas estão se comportando no oceano (antes de chegar na costa, onde a profundidade é menor), na região que você selecionou. Essa previsão te dá uma visão geral de como as ondulações estão chegando e não representa a condição real que você vai encontrar na praia. Ela fornece informações importantes para você, entendendo quais praias recebem melhor cada direção, escolher aonde você vai dar o check.


    _previsão da praia
    MAS, se você já sabe onde vai surfar, pode consultar direto a previsão da praia, selecionando na lista abaixo da cidade nessa página mesmo.

    A previsão da praia já vai trazer as informações das ondulações e ventos para aquele ponto específico, levando em consideração o efeito das características do local. Por exemplo, se nessa praia existe um costão que bloqueia as ondulações de uma determinada direção, isso já vai ser considerado nessa previsão da praia.

    Ou se a praia está voltada para o sul, ela vai receber bem ondulações vindas de sudoeste, sul e sudeste, e consequentemente não vai receber bem ondulações vindas do quadrante norte (e vice-versa). Estude a rosa dos ventos (que explica as direções norte, sul, leste e oeste) para conhecer melhor o local onde vai surfar. Cada pico/praia vai ter uma condição específica que vai ser boa pra ela e aquela mesma condição pode ser ruim para outra praia.
    .

  • A partir daqui, aparecem todas as mesmas opções (mapas e gráficos) que você veria numa previsão oceânica, porém localmente, na praia que você selecionar.

    Rolando a página para baixo, aparece o primeiro mapa, agora local. Nos ícones acima do mapa é possível ver:
    • a altura das ondas: ícone de três ondinhas
    • o período: relógio
    • o vento médio: bandeirinha
    • a previsão do tempo: nuvem
    • a temperatura superficial da água: termômetro
    • o mapa espectral: provavelmente a melhor ferramenta pra te ajudar a entender a previsão

    E logo abaixo do mapa, aparecem os dias da semana, que é só ir clicando para você poder ver a previsão para os próximos dias.
    .

  • Mas por que o gráfico espectral é tão interessante? Porque ele nos mostra de que direções estão vindo as ondas com mais periodo e energia.

    Pra entender isso, saiba que o mar é uma "salada de ondas" e essas ondas podem estar vindo de várias direções ao mesmo tempo, mas na maioria das vezes vão ter algumas ondulações que vêm de uma direção especifica que se sobressaem em relação às outras, e é nessas ondulações que estamos interessadas e as chamamos de predominantes.

    Vamos ao mapa espectral. Ele é mais simples do que parece. Vamos explicar item por item e você vai ficar craque!
    .


  • _mapa espectral
    Você está vendo a sua praia e o espectro. Por partes:
    • o mapa no fundo já permite que você identifique quais as melhores direções de ondulação e vento para cada praia.
    • a setinha amarela indica a direção e a velocidade do vento: quanto mais comprida, maior é a intensidade do vento
    • a bolinha amarela da onde sai a seta é o ponto da onde está sendo feita a previsão.
    • os semi-círculos pontilhados em branco representam os períodos: cada pontilhado é um período diferente, do menor, perto da setinha amarela, até o maior período, na extremidade do espectro (os números em branco no meio dos semi-círculos indicam o valor do período)
    • os blocos coloridos representam as diferentes ondulações chegando
    • as posições dos blocos indicam as direções e períodos dessas ondulações
    • as cores dos blocos indicam a energia das ondulações de cada direção e periodo

    Agora vamos dar uma olhada nessa foto da direita, podemos observar duas manchas de blocos com cores verdes, amarelas e alaranjadas, certos? Uma mancha está vindo do sul (S) e a outra de sudeste (SE), certo? Também dá pra ver que o mancha de sul (S) por exemplo está com as cores mais quentes próxima a linha tracejada de periodo de 15 segundos, enquanto a mancha de sudeste (SE) está com as cores mais quentes próxima a linha tracejada de 10 segundos.

    Viu, agora em um só lugar você já sabe a intensidade e a direção do vento, a energia e período das ondulações vindo das mais variadas direções.

    Pra fechar, ainda tem as setas coloridas (verde, rosa e roxa) na extremidade do espectro representam uma leitura de quais serão as direções e as alturas predominantes. É um esforço de tentar resumir a realidade, mas é preciso entender que na prática as direções podem estar com direções muito ou pouco dispersas e para checar isso, só olhando o espectral.

    Agora vamos ver os gráficos. Role mais o site para baixo e o primeiro gráfico que aparece é o de altura e período das ondas. 
    • as setinhas azuis na parte inferior do gráfico indicam a direção daquela ondulação
    • as barrinhas verticais indicam a altura da ondulação (que você vê no eixo vertical do gráfico)
    • as cores representam o período

    Automaticamente o gráfico já abre com a aba "Total" selecionada (que representa todas as ondulações juntas), mas se você passear pelas outras abas, vai ver as  ondulações agrupadas pelas suas direções predominantes.

    Arrastando o gráfico para o lado você consegue ver a previsão para os próximos dias.

    .

  • Agora, se você clicar na aba "Vagas" e aparecerem barrinhas de fora a fora, há uma grande chance de que o mar esteja bagunçado, lembra? Se não aparecerem barrinhas em vagas, mas aparecerem barrinhas em Swell A ou Swell B, é provável que a ondulação chegue mais alinhada e o surf pode estar garantido.


    _continuando... o próximo gráfico mostra a energia e a potência das ondas
    A energia de uma onda está diretamente ligada a sua altura. Já a potência está relacionada à velocidade com que essa energia é transferida. Lembra que o período de uma onda indica a sua velocidade? Então o cálculo da energia utiliza a altura da ondulação, já o cálculo da potência utiliza, além da altura, o período da ondulação.

    Já tinha pensado como a velocidade da onda pode influenciar na sua experiência dentro dagua? Nós, como surfistas, costumamos dar muita importância a altura das ondas, mas também temos que observar outros fatores como o período, a energia e a potência das ondulações.
    .
     

  • Repare que aqui você também consegue ver a energia e potência de cada ondulação que está chegando (é só passear pelas abas acima do gráfico "Total", "Vaga", "Swell A" e "Swell B"). Analisando esses dados, você conseguirá definir qual dessas ondulações terá mais potência e energia em relação às outras.

    A outra metade da previsão de ondas vai depender dos ventos, que é o próximo gráfico do site. O vento costeiro é que vai influenciar mais no seu surf ou atividade.
    .

  • Nesse gráfico, as barrinhas representam a velocidade dos ventos (no eixo vertical) e arrastando para o lado você vê a previsão para os próximos dias.

    Ainda abaixo do gráfico as setinhas representam a direção do vento e a cor classifica cada um deles em "fraco", "terral", "cruzado" ou "maral", já de acordo com o local/praia que você escolheu. Pra entender e matar a previsão:
    • o vento maral é aquele que vem do mar e deixa as ondas bagunçadas;
    • o vento terral é o que vem da terra e que ao encontrar as ondas chegando na praia, fazem elas se alisar.

    O vento costuma seguir padrões diferentes em cada região, se você entender bem como ele se comporta na sua, vai poder se organizar para aproveitar ao máximo os ventos bons e encher a agenda na hora dos ventos ruins.
     
  • E aí, deu pra entender o básico pra fazer a leitura de previsão das ondas? É muita informação, eu sei! Mas cada um desses parâmetros tem sua importância na hora de fazer uma leitura mais precisa.

    É preciso deixar bem claro que a previsão nem sempre acerta e é aconselhável checar a previsão todos os dias para diminuir as chances de se decepcionar ao chegar na praia e não encontrar as condições que você esperava. A observação constante da previsão e do mar é o que faz uma boa previsora.

    Isso que mostramos aqui é só um pouquinho do que o Surfguru oferece. Mas o site tem muito mais! A assinatura do PRO oferece várias vantagens que a versão gratuita não oferece, como por exemplo:
    • Ver a previsão dos próximos 15 dias: com o PRO você consegue monitorar os swells e ainda pode planejar melhor as suas trips e organizar a sua agenda para estar dentro da água nos melhores momentos. Só quem assina o Surfguru PRO tem acesso a previsão estendida.
    • Criar alertas personalizados: configurando alertas personalizados no site, você será avisada quando o mar estiver daquele jeito que você gosta: você escolhe o vento, a ondulação e a gente te avisa por e-mail quando essa condição bater com a previsão. Tem alerta para marola e pra bomba, você que manda!
    • Acessar o histórico da previsão: com o Surfguru PRO é possível consultar o histórico da previsão dos últimos 10 anos de previsão. A utilidade aqui é que você consiga consultar a previsão daquele dia que foi ótimo pra você, poder comparar com as próximas previsões e saber se as condições estão boas para sua atividade.
    • Ajudar a cuidar dos oceanos: o mesmo mar que a gente usa todos os dias para surfar e desfrutar está devastado pelos impactos causados pela humanidade. O Surfguru destina 10% das receitas do PRO para ações de cuidado com os oceanos. Dessa forma, você passa a ser parte da solução.

    E é claro, a gente quer que você use e abuse dessas vantagens. Por isso, temos um presente pra você: usando o cupom LANGAI, os primeiros 30 dias de assinatura são grátis! São 30 dias para você aproveitar todas essas vantagens e ficar craque na leitura de previsão de ondas. Bora assinar?

    Ahh, lembra que você pode contar com a gente se você tiver qualquer dúvida na leitura da previsão. Se precisar, deixe sua dúvida aqui nos comentários ou me chama, que eu te ajudo.

    Beijos e boas ondas!
    Cris e Surfguru


     
    Leia também: Kit sobrevivência no surf para não perder um dia de onda

     

Compartilhe

Comentários

Este site utiliza tecnologias como cookies para melhorar sua experiência de acordo com nossa política de privacidade. Ao permanecer navegando, você concorda com estas condições.

Estamos ocupados atualizando nossa loja para você e voltaremos logo.

Whatsapp